#Mercado - Confira o ranking dos 50 modelos de carros mais vendidos em março/2016

As vendas de carros novos caíram 22,23% em março em relação ao mesmo mês do ano passado, chegando a 147.655 unidades emplacadas.

Reflexo da crise econômica brasileira, a queda no acumulado do ano foi ainda maior, de 26,42%.

O levantamento da Fenabrave, no entanto, traz um ponto positivo. As vendas subiram 20,30% em relação ao mês anterior, fevereiro.

Segundo o ranking, o Ônix foi o carro mais popular do mês, superando 12 mil unidades vendidas. É um dos poucos modelos que viu os números crescerem: as vendas subiram quase 28% em relação ao mesmo mês do ano passado.

Dona do carro mais vendido, a montadora General Motors mantém a liderança em participação de mercado, com 16,76% das vendas. Volkswagen e Hyundai aparecem logo em seguida, com 12,45% e 11,36% do mercado automobilístico, respectivamente.

Confira:




Mantendo a posição de favorito para fechar 2016 como o modelo mais vendido do Brasil, o Chevrolet Onix emplacou 12.192 unidades em março e abriu quase duas mil unidades de vantagem sobre o Hyundai HB20 (10.475). No acumulado do 1º trimestre, a diferença já supera oito mil unidades.



Repetindo a terceira colocação de fevereiro, o Ford Ka assegurou 7.224 novas unidades nas ruas. A surpresa ficou por conta do Honda HR-V (6.059), que subiu da sexta para a quarta posição, sua melhor colocação desde o lançamento.



Também repetindo a quinta colocação do mês anterior, o Toyota Corolla (5.984) foi novamente o sedã nº 1 na preferência do mercado, à frente do Chevrolet Prisma (5.411), sexto. Em seu primeiro mês após a reestilização, o VW Gol saiu da décima para a sétima posição, com 5.296 emplacamentos.



À frente do Jeep Renegade (4.284), o Fiat Palio, único modelo da marca italiana no top 10, caiu da quarta para a nova posição no seu pior mês desde 2002 (a Fenabrave não disponibiliza informações anteriores a este ano).



Destaques para o bom desempenho do Chevrolet Cobalt (2.488), para o Versa (1.978) como o Nissan mais vendido, para o Toyota Hilux SW4 (1.295) vendendo mais do que o Ford Fiesta (1.281) e para o novo recorde de vendas do Peugeot 2008 (1.044).



A Fiat Strada, com 5.357, foi novamente a campeã entre os comerciais leves, mas desta vez com a Toyota Hilux (3.442) como rival mais próxima. Em seu primeiro mês cheio, a Fiat Toro (3.080) deixou a VW Saveiro (3.040) para trás e assumiu o terceiro posto.



Confira agora os 50 modelos mais vendidos em cada segmento.



Fonte: Fenabrave

iPhone está perdendo espaço nos principais mercados do mundo



O iPhone está perdendo sua quota de mercado nos principais mercados de smartphones do mundo, segundo mostra o mais recente relatório divulgado pela empresa de pesquisa de mercado Kantar. De acordo com os números divulgados, o iOS cedendo espaço para o Android nos Estados Unidos, Europa e China. Apesar das perdas não serem tão significativas, elas mostram que a Apple realmente está com dificuldades para manter a expansão de seu principal produto, o novo iPhone 6s.

O relatório da Kantar baseia-se em dados obtidos nos três últimos meses encerrados em fevereiro deste ano. Ele revela que o mercado chinês representou uma das maiores perdas de quota do sistema móvel da Maçã, com uma queda de participação de 3,2 pontos percentuais. Ainda na China, o Android subiu 3,4 pontos, para 76,4% de participação. O novo lançamento da empresa, o iPhone SE, pode ajudar a melhorar os números na China, tendo em vista que os dispositivos premium representam apenas uma pequena parte do mercado local de smartphones.

Nos cinco maiores mercados da Europa, que incluem Alemanha, Reino Unido, Espanha, Itália e França, a participação do iPhone caiu 1,8%. Neles, o Windows Phone perdeu uma quantia considerável de 4,2%, enquanto o Android conquistou impressionantes 6,7 pontos percentuais.


Nos Estados Unidos, o iPhone perdeu 0,5% comparado aos meses de 2015. Os dados mostram que as vendas de iPhones representaram 38,3% de todas as vendas de smartphones nos Estados Unidos durante o período analisado. O Windows Phone, da Microsoft, perdeu 2,2%, enquanto o Android ganhou 3,3% e é responsável por 58,9% das vendas de smartphones no país.

Como conclusão, o relatório da Kantar mostra que o Android está aumentando sua participação nos principais mercados consumidores de smartphone do mundo. Enquanto isso, tanto a Apple como a Microsoft têm encontrado dificuldades para expandirem as vendas de seus aparelhos e ampliar o alcance de seus sistemas operacionais. No gráfico interativo abaixo é possível verificar a participação dos principais sistemas operacionais em diversos países.